Deputada do PAN na Escola do Levante no âmbito do Parlamento dos Jovens

0
655

O Parlamento dos Jovens está a ser desenvolvido pelas diversas escolas básicas e secundárias do país. As escolas elegeram os deputados que as irão representar na sessão distrital e regional do Parlamento. No caso do distrito do Porto, o plenário do ensino básico (2º e 3º ciclos) irá decorrer nos dias 23 e 24 de março, no Fórum Ermesinde.

Leonor Moreira, Letícia Couto e Helena Guimarães são as três jovens deputadas que representarão a Escola Básica do Levante da Maia, defendendo uma proposta sobre Violência Doméstica e no Namoro.

No âmbito da preparação da apresentação na sessão distrital, a escola recebeu, na manhã do dia 27 de janeiro, Bebiana Cunha, deputada do PAN – Pessoas, Animais e Natureza, eleita para a Assembleia da República pelo distrito do Porto.
A deputada considerou muito importante o tema discutido, além de essencial a realização do programa Parlamento dos Jovens, como fomento de uma cultura democrática e de cidadania.

Três alunas representam a EB do Levante

António Oliveira, o professor que coordenou o projeto na Escola Básica do Levante, entende que este tipo de iniciativa é muito “produtiva” para os alunos.

O docente referiu ainda que o processo foi “muito útil”, sublinhando que estes alunos “são do básico, 2º e 3º ciclo e nem sempre estão disponíveis para este tipo de iniciativas”. No entanto, passaram por um processo preparatório “cívico e de cidadania” enriquecedor para o seu crescimento.

António Oliveira explicou ao Primeira Mão que “os alunos organizaram-se em listas, sujeitaram-se a eleições, defenderam – e bem – as suas ideias; depois chegaram à conclusão que podiam encaixar as ideias de uns nas de outros, juntaram-se e foi tudo muito produtivo”.

Na EB do Levante houve três listas para eleição de deputados, de que foram eleitas Leonor Moreira e Letícia Couto, da lista B, como 1ª efetiva e 1ª suplente, e Helena Guimarães, da lista C, como 2ª efetiva. Depois da sessão do parlamento distrital, serão eleitos os deputados e propostas para a sessão plenária nacional, que terá lugar na Assembleia da República em maio.
As jovens referiram à nossa reportagem que apreciaram muito o contributo da deputada do PAN, que veio dar algumas dicas a ter em conta na preparação da proposta que irão apresentar e defender na sessão distrital.

Bebiana Cunha começou por explicar aos alunos, que assistiram à sessão de orientação na escola, o que é a Assembleia da República, quantos deputados tem e o que é feito na casa da Democracia portuguesa.

Depois desta introdução, foi recolhendo as opiniões dos alunos acerca do tema da violência doméstica. Bebiana Cunha sublinhou que este programa do Parlamento Jovem “é fundamental pois permite a aproximação das crianças e jovens à vida política e, em simultâneo, trabalhar as competências fundamentais para a sua participação cívica”.