JSD Maia apresenta duas moções no Conselho Distrital Electivo da JSD Porto

0
164

As auto-estradas sem custos para os utilizadores (SCUT) foi o tema de uma das duas moções apresentadas pela JSD Maia no Conselho Distrital Electivo da JSD Porto, que decorreu no último sábado, na sede do PSD Gaia. No que se refere às SCUT, os jovens da Maia queriam alertar para os “prejuízos consequentes da implementação das portagens nas vias que atravessam o concelho maiato”, designadamente a A41.

A outra moção propunha a criação de “novos desafios” para a disciplina Área de Projecto do 12º ano. A JSD da Maia propõe “levar o aluno a usar competências escolares e vocacionais num tema que tenha implicações a nível local”. Os responsáveis da JSD Maia consideram que, desta forma, “o aluno fica mais consciente e actualizado quanto às carências e às potencialidades da área onde reside e este exercício permite-lhe identificar soluções”. De acordo com a proposta da JSD Maia, os melhores trabalhos apresentados no âmbito da disciplina Área de Projecto, seriam apresentados aos líderes autárquicos locais como forma de serem os alunos a influenciar o desfecho dos problemas identificados. Com esta proposta, os jovens social democratas da Maia pretendem motivar os estudantes para uma maior participação na vida política local.

No Conselho Distrital Electivo da JSD Porto foi eleita a única lista que se apresentou a sufrágio e que era encabeçada pelo militante Simão Ribeiro da JSD de Lousada.

As eleições estenderam-se à concessão do título de militantes honorários a elementos que já não integram a JSD, devido ao limite de idade, mas que de acordo com a JSD Porto, “deixaram marcas da sua participação activa”. Desta lista de militantes honorários constam os maiatos Paulo Resende e Rui Monteiro.

FA