JSD Maia realiza I Jornadas Professor José Vieira de Carvalho

0
38

Numa altura em que se assinalam 10 anos sobre o falecimento do autarca José Vieira de Carvalho, a Comissão Política Concelhia da Maia da Juventude Social Democrata (JSD) realiza no próximo sábado, 2 de Junho, no auditório da Junta de Freguesia de Milheirós, as “I Jornadas Professor José Vieira de Carvalho”.

A ideia surgiu na altura em que o actual líder da estrutura, Marco Correia, preparava a sua candidatura à JSD e acabou por ser uma das principais bandeiras de campanha. “Era nossa ideia termos um momento de formação política, uma vez por ano, para os nossos militantes visto que é, provavelmente, o aspecto mais importante para uma juventude partidária contribuir para a sociedade civil”.

E como este ano, se assinala o décimo aniversário sobre o falecimento de José Vieira de Carvalho, entenderam que o nome seria o mais adequado. Até porque “é realmente um nome de referência e só engrandece as nossas jornadas”, justifica.

Marco Correia acredita que será um encontro “muito interessante” porque a maior parte das pessoas que estará na plateia não chegou a conhecer José Vieira de Carvalho. É, por exemplo, o seu caso particular. O actual líder da JSD tinha 16 anos quando o edil da Maia faleceu. Nunca contactou directamente com ele, no entanto, como qualquer maiato, conhece o seu legado, “com que nos cruzamos todos os dias”.

Contudo, enquanto andou a realizar o trabalho de pesquisa para estas jornadas ficou a conhecer um outro homem. “Uma pessoa que é uma referência para nós e para nós jovens é importantíssimo termos referências na nossa vida, principalmente num momento em que se fala tanto, para além de uma crise financeira, de uma crise de valores”, sublinha Marco Correia. “Uma pessoa culta, uma pessoa que deu provas para além da vida autárquica, por exemplo, como professor no ensino superior. No fundo, foi uma pessoa transversal a toda a sociedade, procurando ser um exemplo daquilo que nós defendemos como homem bom, é aquilo que nós pretendemos que um jovem da JSD seja”, acrescenta.

A sessão de abertura está marcada para as 14h00 e vai contar com intervenções do presidente da JSD da Maia, Marco Correia, do presidente do PSD da Maia, Bragança Fernandes, do presidente da Junta de Freguesia de Milheirós, Vítor Fontes e da viúva do autarca, Albina Vieira de Carvalho.

Depois, a jornada de trabalho prossegue com uma intervenção sobre a vida e obra de Vieira de Carvalho, a cargo do historiador e maiato, José Augusto Maia Marques. O presidente da Assembleia Municipal, Luciano Gomes, vai falar sobre a época e o pós Vieira de Carvalho. A partir das 17h30, o vereador do pelouro das actividades económicas e relações internacionais da Câmara Municipal da Maia, Paulo Ramalho, vai centrar a sua intervenção na importância do município no tecido empresarial local.

Neste primeiro ano em que se realizam, as jornadas vão centrar-se mais na homenagem ao autarca. No entanto, o objectivo é que as próximas realizações de centrem “única e exclusivamente na formação política”. A homenagem ficará “apenas pelo nome” que vai manter-se, garante Marco Correia.