Juventude Popular pensa que está na altura de enterrar a polémica de 1 de outubro

0
193
- Publicidade -

Cerca de três meses depois das últimas eleições autárquicas, que ocorreram no passado dia 1 de outubro de 2017, e onde os maiatos escolheram a Coligação “Maia Em Primeiro”, para guiar os seus destinos em 7 de 10 freguesias, na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal, o novo líder da Juventude Popular da Maia, Hugo Maciel, considera que o tema autárquicas ainda não se encontra esgotado, pois «continua a ser muito debatido em diversos locais com que facilmente nos deparamos», referiu em comunicado.

No documento enviado à nossa redação, no passado dia 10, Hugo Maciel afirma que «foi precisamente na Assembleia Municipal, que na sua última sessão veio novamente a questão de uma alegada fraude nas eleições de Outubro do ano passado, trazido mais uma vez a debate pela Coligação “Um Novo Começo”.

No entanto, fique-se pasmado com os argumentos que invocam para comprovar essa alegada fraude. Mais grave do que isso, é a maneira “useira e vezeira” como colocam em causa dezenas e dezenas de maiatos que estiveram presentes nas mesas de voto, tenha sido a desempenharem funções de presidentes de mesa, de secretários, de escrutinadores ou até mesmo de delegados. Pior ainda é quando colocam em causa a escolha feita pelos cidadãos maiatos.

Não se consegue perceber também, como é que perante uma acusação tão grave como é uma acusação de fraude eleitoral, em todas as tomadas de posse a que se assistiu, não se viu uma única palavra sobre o assunto e nem uma tomada de posse sob protesto, era o mínimo que se poderia esperar tendo em conta a situação em causa».

Com a mudança de ano é a altura ideal para, de uma vez por todas, arrumar as eleições de 1 de Outubro de 2017, declara Hugo Maciel, rematando: «deixar de denegrir a imagem da Maia, fazerem uma oposição com uma postura correta e construtiva e, acima de tudo, trabalhar em prol dos interesses da Maia e dos Maiatos, que no de tudo isto é o que mais interessa».

- Publicidade -