Lazer e espaços verdes na Ribeira dos Amores

0
318

Está a nascer mais um parque urbano no concelho da Maia. Começa a ganhar forma em Pedrouços e vai chamar-se Ribeira dos Amores”. A Câmara Municipal da Maia admite que fique concluído até ao final do mês para “dar muita alegria àquela zona, que bem precisa, porque está do outro lado da auto-estrada, mesmo no limite do concelho com Matosinhos”, frisou o presidente da autarquia, no sábado, à margem da inauguração da Feira do Desporto.

Com um investimento previsto na ordem dos 500 mil euros, o novo parque urbano nasce numa área com cerca de 20 mil metros quadrados, por onde passa a Ribeira dos Amores. Trata-se de uma ribeira natural “que também precisava ser reabilitada”, pode ler-se numa nota da autarquia. Aproveitando a intervenção, serão também criados alguns equipamentos no espaço.

O projecto inclui a construção daquilo que a câmara designa como “Parque de Proximidade Linear”. Contempla a criação de uma área informal para a prática de desporto (com duas balizas) e, a pensar nos mais pequenos, um parque infantil, maioritariamente, em madeira.

Aproveitando as potencialidades do espaço, será também criada uma ampla zona pedonal, uma ponte de madeira ecológica e uma rede de caminhos para ligar o parque à malha urbana envolvente, em particular, às ruas da Cooperação, Rodrigues de Freitas e António Carneiro Azevedo, bem como ao Polidesportivo / Complexo Municipal de Teibas, “servindo directamente mais de três mil pessoas”.

Mas porque o espaço precisava ser reabilitado, o desenvolvimento deste projecto do parque urbano pressupõe ainda a recuperação e requalificação das margens e da referida Ribeira dos Amores, considerada no mesmo documento enviado pela autarquia “o grande elemento gerador de interesse do espaço”.

E porque, a Este, o parque terá como vizinha a Auto-Estrada A3, serão também plantados choupos negros, freixos e ainda plátanos (todos de crescimento rápido), para funcionar como uma espécie de “cortina arbórea” que minimize o efeito negativo da proximidade desta via de comunicação.

Foi esta a solução encontrada pela autarquia maiata para uma zona de que estava degradada, sublinhou Bragança Fernandes:

[audio:RIBEIRA_AMORES.mp3]

Para além de Pedrouços, o presidente da Câmara da Maia admite que possam também usufruir deste Parque Urbano “Ribeira dos Amores” os maiatos da freguesia vizinha de Águas Santas, já que “vai ser um espaço muito grande, que vai levar uma comunicação por cima da Ribeira dos Amores para a zona de Teibas”.

Marta Costa