“Olhar para o futuro e esquecer as ideologias”

0
130

Foi perante um salão nobre completamente cheio que Joaquim Araújo tomou posse para cumprir o seu primeiro mandato como presidente da Junta de Freguesia de Pedrouços. O autarca, que substitui Abílio de Sousa, que não se recandidatou, venceu as eleições de 11 de Outubro com 48,3 por cento dos votos e elegeu oito elementos. Daqui para a frente, adianta, é “olhar para o futuro e esquecer as ideologias”.

Na sala estavam vários convidados, entre eles alguns dos eleitos nas últimas eleições autárquicas, incluindo o presidente da Câmara, Bragança Fernandes, e o presidente da Assembleia Municipal, Luciano Gomes. Mas também estiveram presidentes de clubes e associações da freguesia e muitos populares que aproveitaram para felicitar o autarca.

Uma sala cheia que Joaquim Araújo agradeceu com “gratidão e emoção”. Na sua intervenção, o presidente da Junta de Freguesia salientou que a sua candidatura foi “abrangente” e que contou com o apoio de todas as correntes para apresentar um projecto em prol de Pedrouços”.

“Agora tenho trabalho que é preciso realizar e sei que tenho aqui gente que trabalhará para o progresso e desenvolvimento de Pedrouços. Esta é a freguesia mais jovem do concelho, sendo assim, faltam aqui ainda alguns equipamentos. Muito se tem feito mas há ainda muito a fazer e com a vontade de todos se chegará a essa realização”, garantiu.

E aos que consigo integraram a lista candidata às eleições agradeceu “o empenho”. E aos adversários políticos elogiou o “nível de elevação da campanha eleitoral”. No entanto, a partir de agora entende que o importante é o trabalho em prol do bem-estar da freguesia e, para isso, conta com todos. “A união faz a força”, afirmou. “Agora, é olhar para o futuro e esquecer as ideologias partidárias”.

O eleito presidente da Assembleia de Freguesia de Pedrouços, Rui Navarro, acredita que é possível elevar a freguesia ao limite dos desejos dos munícipes. Mas para isso “é necessário despir as vestes partidárias”, afirmou.

Ao presidente cessante agradeceu os ensinamentos. E ao presidente da Junta de Freguesia também em fim de funções deixou votos para que, apesar da saída, continue a cuidar da freguesia. “Sei que a junta tem pouco recursos e é preciso fazer das tripas coração para trabalhar”.

Ao novo presidente, não deixou de dar os parabéns pelos resultados alcançados. A partir de agora, “espero que consiga para a freguesia aquilo que ainda necessita”. À assembleia espera e deseja um bom funcionamento daquele órgão. Para já, Rui Navarro propôs a criação de uma comissão interna para se procederem a alterações no regimento para que seja apreciado e votado na próxima sessão da Assembleia de Freguesia Ordinária. A proposta foi aprovada por unanimidade.

Isabel Fernandes Moreira

 

Executivo

Presidente Joaquim Araújo

Vogal Maria Conceição Silva

Vogal António Luís Monteiro

Vogal Hugo Sousa

Vogal Célia Pinto

Mesa da Assembleia

Presidente Rui Navarro

1º Secretário Luís Leite

2º Secretário Dulce Ferreira