PSD Águas Santas/Pedrouços de boa saúde

0
127

Como é habitual no início de cada ano, o núcleo do PSD de Águas Santas/Pedrouços organizou mais um jantar-convívio, num restaurante da freguesia de Pedrouços. Na sexta-feira passada, centenas de militantes reuniram-se à mesa. Um número considerável de participações que não tardou a encher a sala do restaurante. Número que também prova a “boa saúde” do núcleo social-democrata. Além de vários militantes do PSD, estava também anunciada a presença do presidente da Câmara Municipal da Maia e da comissão política maiata do PSD, Bragança Fernandes, e do presidente da Assembleia Municipal da Maia, Luciano da Silva Gomes, assim como do vereador e presidente da Mesa da Assembleia da comissão política do PSD Maia, Paulo Ramalho.

O objectivo do jantar é, segundo o presidente do núcleo, Manuel António Ferreira, “dinamizar a vida política em Águas Santas e em Pedrouços”, assim como “trazer gente diferente para o núcleo”. O presidente adianta também que “o número de pessoas que vem ao jantar tem vindo a crescer”, prova de que o núcleo “está de boa saúde”, ao contrário dos restantes espalhados pelo concelho e não só. No entender de Manuel António Ferreira, “os núcleos não são muito mobilizados”. Algo que não se passa em Águas Santas e Pedrouços. “Ao longo de 30 anos temos sabido manter viva a chama do PSD” nas duas freguesias que estão no raio de acção do núcleo.

A “boa vida” no núcleo pode dever-se, em parte, à recente vitória de Carlos Vieira na Junta de Freguesia de Águas Santas, um bastião socialista durante anos. Para Manuel António Ferreira, “a vitória do PSD em Águas Santas é resultado de um trabalho que foi feito ao longo de vários anos, e esse trabalho feito pelos nossos elementos na Assembleia de Freguesia contribuiu para isso, e também pela forma serena como nós tratamos o assunto” da candidatura. “Nós não tínhamos nada a perder, quem tinha a perder era Águas Santas caso continuasse com o projecto que tinha anteriormente”, confessa.

A freguesia ao lado, Pedrouços, não mudou de cor política mas mudou de presidente. Joaquim Araújo é agora o timoneiro da junta pedroucense, algo que também contribuiu para o “aumento de força” do núcleo do PSD de Águas Santas/Pedrouços. Entende o presidente do núcleo que estas “duas figuras da vida política destas freguesias são de uma serenidade ímpar e isso contribuiu para a revitalização do PSD nas nossas freguesias”.

Os planos para o futuro de um núcleo laranja de duas freguesias laranjas dependem do resultado das eleições “que serão marcadas muito brevemente”, avança Manuel António Ferreira. “Os militantes irão decidir quem vai continuar à frente do núcleo”, acrescenta o actual presidente que, para já, não quer avançar com a confirmação de recandidatura. “Primeiro tenho de falar com os membros da comissão política. Mas é assim, eu sou membro do PSD há 30 anos, nunca virei a cara à luta, e estive sempre presente mesmo nos tempos difíceis do PSD”. “Eu nunca digo que não aos desafios, mas não vou dizer que sou recandidato, embora também não diga que vou ser”. Enigmático, deixa a dúvida no ar, embora confesse que “a decisão já está tomada”, mas a divulgação fica para quando estiverem marcadas as eleições do núcleo, altura em que o actual presidente vai desfazer o mistério da recandidatura.