Será o “ponto final” na lista do PS para Gueifães?

0
132

Mais um episódio na novela das listas do Partido Socialista (PS), em particular, para a Assembleia de Freguesia de Gueifães. Na semana passada, o presidente da concelhia, Mário Gouveia, dava a situação como “resolvida” no sentido da recandidatura de Alberto Monteiro. Esta semana, é Hélder Ribeiro que fala em “ponto final nesta questão”… mas no sentido das listas incluírem a sua candidatura à freguesia.

Resta saber qual o nome que vai constar da lista que o partido tem de entregar até segunda-feira, data limite da formalização das candidaturas às eleições autárquicas de 11 de Outubro. Quanto a Hélder Ribeiro, já esteve ontem no tribunal. Resta saber se já formalizou a candidatura.

Na quarta-feira, a candidatura de Hélder Ribeiro recebeu da Comissão de Jurisdição da Federação Distrital do PS Porto um parecer relativo à validade da assembleia-geral de militantes da secção de Gueifães de 18 de Julho, data em que esta mesma candidatura foi aprovada pelos socialistas presentes, com 68 votos a fazer e dois brancos. Conclui o organismo distrital que, por cumprir os estatutos, a dita assembleia-geral “foi regularmente convocada” e a dita candidatura é válida.

Ouça as declarações de Hélder Ribeiro:

[audio:HRIBEIRO.mp3]

Salienta ainda a Comissão de Jurisdição que a orientação da direcção nacional do PS “em nada afecta a validade da deliberação tomada na Assembleia-Geral de militantes de Gueifães (…) porquanto, enquanto orientação política que é, não afecta a competência estatutária dos órgãos do partido, o que a acontecer teria um carácter revogatório a todos os títulos ilegal”. Hélder Ribeiro acrescenta ainda que “essas orientações não se podem sobrepor aos estatutos”:

[audio:ESTATUTOS.mp3]

Importa ainda referir que este parecer da Comissão de Jurisdição data de 2 de Agosto, ou seja, anterior à reunião citada por Mário Gouveia, entre a Federação Distrital do Porto do PS e o secretariado da comissão política concelhia da Maia, dando luz verde à candidatura de Alberto Monteiro, conforme noticiou PRIMEIRA MÃO na edição de 7 de Agosto. Hélder Ribeiro diz que “são completamente falsos” os factos referidos pelo também candidato à presidência da Câmara da Maia, “porque nunca houve nenhuma reunião”.

Marta Costa