Aeroporto do Porto atinge cinco milhões de passageiros

0
321

Que não haja espanto. Já se sabia que era provável que isso acontecesse e, portanto, agora que aconteceu surge apenas como a confirmação da expectativa. Ao longo deste ano, o aeroporto do Porto atingiu os cinco milhões de passageiros.

O movimento no ‘Sá Carneiro’ cresceu, até ao final de Novembro, 17,4 por cento em comparação com o ano transacto, tendo atingido, no final do 11º mês, a soma de 4,8 milhões de passageiros. Em Novembro o crescimento foi também bastante significativo, com mais 17,1 por cento de passageiros que no mesmo mês de 2009. A carga também cresceu, mais 10,6 por cento. Foram mais de 382 mil os passageiros processados, mais 55 mil que há um ano, e 4482 movimentos. No final do mesmo período e ainda o passageiro cinco milhões não tinha desembarcado, o acumulado do ano estava já nos 4.842.926 passageiros, mais 716 mil que no mesmo período do ano passado.

O tráfego de companhias de baixo custo cresceu 29 por cento, com mais de 2,3 milhões de passageiros. Isto é, mais 611 mil passageiros que em igual período de 2009, representando 49,5 por cento de todo o tráfego.

Em Novembro, aliás, foi uma low cost que mais cresceu. A irlandesa Ryanair subiu 38 por cento, seguindo-se a easyjet, com 23 por cento, e a Aigle Azur com 23 por cento. O mercado italiano deu cartas no mês passado, com uma subida estrondosa de tráfego, de 119 por cento.
No total do ano, a Ryanair está cada vez mais perto de ser a companhia mais activa no aeroporto. Regista apenas uma diferença de um por cento em relação à TAP, equivalendo a cerca de 50 mil passageiros.

O principal destino é o aeroporto de Orly, em Paris, para onde viajaram, até final de Novembro, 470 mil pessoas, representando 10,1 por cento do total. O segundo aeroporto a receber passageiros do Porto foi Lisboa, com 410 mil passageiros.
Para 2011 os objectivos do aeroporto estão estabelecidos. Mas, recentemente, o director da estrutura preferiu reservar a informação sobre as metas a atingir.