APAV faz campanha contra violência doméstica

1
207

Um desfile de moda onde manequins apresentam hematomas marcados no corpo integra a campanha de sensibilização que a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) lança hoje, por ocasião do Dia Internacional Contra a Violência contra as Mulheres.

A campanha de sensibilização chama-se “Há marcas que Ninguém deve Usar”. É uma acção que pretende aumentar a consciencialização de que a violência doméstica é um crime e que não pertence exclusivamente a um estrato social.

A acção publicitária deverá ser lançada nos próximos dias na televisão e na imprensa.

Hoje, também entra em consulta pública, no portal do Governo, o novo regime jurídico de prevenção da violência doméstica. Uma das novas medidas aplicação de uma pulseira electrónica aos agressores.

1 COMENTÁRIO

  1. CONVITE

    Seminário: VIOLENCIA DOMESTICA

    Vila d’Este, Vila Nova de Gaia, dia 5 de Dezembro de 2008, às 21H15 horas

    A violência doméstica é um dos mais graves problemas a serem enfrentados pela sociedade contemporânea.

    É uma forma de violência que não obedece a fronteiras, princípios ou leis.

    Preocupadas com as estatísticas alarmantes da ocorrência dos delitos domésticos, instituições públicas e organizações não governamentais discutem o problema e tentam contribuir para a minimização dos efeitos avassaladores que a violência na família acarreta aos seres humanos, especialmente mulheres e crianças.

    Enquanto Instituição Particular de Solidariedade Social cujo âmbito de intervenção não descura o Apoio à Pessoa Vitima de Violência Doméstica a “AP–Associação dos Proprietários da Urbanização Vila de Este” organiza, ao abrigo do Programa PROGRIDE Medida 2, Projecto “Olhos no Futuro II” no próximo dia 05 de Dezembro às 21:15H um seminário cujo principal objectivo passa pela consciencialização do potencial impacto da exposição da vitima de violência doméstica e do género.

    Procurará apresentar diferentes percepções acerca do fenómeno; determinando como principais temas de debate a cooperação no apoio a vítimas de violência doméstica, entendendo o papel das forças das segurança públicas e do sistema de saúde na prevenção e no combate à violência doméstica.

    As intervenções despertarão para a necessidade de uma intervenção multidisciplinar (trabalho em rede) para atenuar o elevado índice de vítimas de violência doméstica.

    Nesta orientação, a equipa técnica e a direcção da “AP–Associação dos Proprietários da Urbanização Vila de Este” vêem por esta via, convidar os colegas para assistir/participar no seminário “VIOLENCIA DOMESTICA”.

    Certos do melhor acolhimento e dada a importância do tema, aguardamos a Vossa inscrição e presença, bem como a divulgação jinto de outros colegas.

    Atentamente,

    Vila Nova de Gaia, 23 de Novembro de 2008

    A Direcção A Coordenadora

    António Ferreira Moreira Alcídia Maciel

    (Presidente) (Projecto “Olhos no Futuro II)

    Aos presentes será atribuída diploma de participação.

    FICHA TÉCNICA:
    Painel:
    Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género – Dra. Teresa Carvalho,
    Policia Segurança Pública – Sub-comissário Renato Neto,
    Jurista – Dra. Carla Lopes,
    Projecto “Olhos no Futuro II”- Dra. Alcidia Maciel.

    Sub-temas: a divulgar.
    Local: Vila d Este
    Data: 2008-12-05, sexta-feira
    Horário: 21h15 às 23h00
    Morada: Rua Salgueiro Maia, 274-A, (em frente da farmácia Vila d’Este, Vila Nova de Gaia
    Telefone 227849176
    E-mail AP_Vila_DEste@sapo.pt
    Valor total da inscrição e do diploma: 5 euros (cinco euros).
    Parceria: EUSÉBIOS SA, Imóveis Totta, Instituto da Segurança Social e Municipio de Vila Nova de Gaia.

    Conatcto:
    AP-Associaçaõ dos Proprietários da Urbanização Vila de Este
    Rua Salgueiro Maia 274 A, Vila d’Este,
    Vila Nova de Gaia
    Tel/fax: 227849176 e-mail: AP_Vila_Deste@sapo.pt

    Directos:
    Projecto “Olhos no Futuro II”, Dra. Alcidia Maciel 227 84 20 74

Comments are closed.