Aproxima-se o final do projecto “Um Dia Pela Vida”

0
826

A poucos dias do fim da campanha do movimento “Um Dia Pela Vida” da Liga Portuguesa Contra o Cancro – termina a 17 de Abril -, o coordenador da Maia, Jaime Gonçalves, faz um balanço positivo. “As iniciativas têm corrido muito bem. Neste momento, o nosso problema é conseguir atender a tantas solicitações”, diz. Têm decorrido várias actividades em simultâneo e em vários pontos do concelho.
O projecto, que recebeu desde logo o apoio da Câmara Municipal da Maia, foi apresentado a 12 de Dezembro do ano passado, em simultâneo com um colóquio médico sobre o cancro.
O objectivo inicial era desafiar a comunidade maiata a juntar-se nesta luta contra o cancro, através da constituição de equipas que ficariam responsáveis pela organização de actividades e eventos que permitissem a angariação de fundos. Outro dos objectivos, era também alertar a população para esta doença, que continua a matar milhares de pessoas.
A comunidade maiata respondeu positivamente ao desafio do movimento. Exemplo disso, são as 39 equipas que foram constituídas, e que têm sido responsáveis por várias acções de dinamização.
Com sede na Junta de Freguesia de Vermoim, o movimento está já a preparar as actividades recreativas para o último dia do projecto. Um dos pontos altos, será a cerimónia das luminárias. Serão acendidas velas em homenagem a todos aqueles que venceram a doença e lembrar aqueles que já partiram. E a arruada que juntará centenas de pessoas. A concentração está marcada para as 09h00, junto à Junta de Freguesia de Vermoim. “Caminharemos pela Avenida D. Manuel II, passaremos em frente à câmara, seguiremos pela Rua Simão Bolívar até ao Parque Central”, adiantou Jaime Gonçalves.

FA