Câmara da Maia certificada com selo COVID Tested & Go da Cruz Vermelha Portuguesa

0
243
foto A Santos
- Publicidade -

A Câmara Municipal da Maia recebeu esta sexta-feira o selo COVID Tested & Go atribuído pela Cruz Vermelha Portuguesa, tornando-se assim a primeira entidade nacional a recebê-lo.

A cerimónia foi também o momento em que a Cruz Vermelha procedeu ao lançamento do selo por parte da Cruz Vermelha, numa iniciativa inédita que contou com a presença do presidente da Cruz Vermelha Portuguesa, Francisco George, do bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, além de representantes da ARS Norte e do ACES Maia Valongo.

A entrega da certificação decorreu ao final da tarde de sexta-feira nos Paços do Concelho da Maia.

O Selo COVID Tested & Go é uma garantia de que o ambiente de uma instituição certificada é segura em termos de saúde preventiva à Covid19, uma vez que a certificação implica a testagem em massa aos elementos da instituição ou empresa de forma regular com acompanhamento médico.

A Câmara Municipal da Maia é a primeira entidade a aderir com o seu universo de funcionários nos diversos serviços.

Assim, Silva Tiago, presidente do município atribuiu “a esta iniciativa da Cruz Vermelha Portuguesa a maior importância, tendo em conta que, como todos bem sabemos, a economia precisa de confiança. Confiança que é um fator crítico para que os atores económicos possam retomar as suas atividades com a maior normalidade possível, nesta fase da pandemia em que vamos começar a desconfinar”.

Para o autarca é fundamental que “as organizações, particularmente as empresas”, tenham “confiança, que advém da segurança, higiene e saúde, tanto para os seus clientes como para os seus colaboradores, pelo que é muito bem vindo este instrumento de certificação que dá garantias, não apenas dos cuidados e precauções que são tomadas, mas que simultaneamente demonstra a forma responsável como os riscos são levados a sério”.

Maia vai distribuir 20 mil kits de teste pelo comércio local

Silva Tiago congratulou-se pelo concelho da Maia estar longe das linhas vermelhas de alarme, o município encontra-se no nível de risco de contágio reduzido, porém a Maia não deixa de apostar na prevenção e o presidente anunciou que Câmara além de estar “disponível para apoiar uma campanha de testagem à covid-19 a todos os setores de atividade que estão em contacto com o público e que pretendam fazer o teste”, está também a “estudar a possibilidade de colocar à disposição dos agentes económicos da Maia, um pacote de 20 mil testes”.

A campanha de distribuição de kits de testes pelo comércio local visa apoiar “uma testagem em larga escala que vai abranger os profissionais de vários setores de atividade, desde a restauração, às empresas de táxis ou a comerciantes e lojistas do concelho, entre outros profissionais, cuja atividade implique um contacto direto com o público”, explicou Silva Tiago.

- Publicidade -