Câmara da Maia lança programa social de apoio FIQUE EM CASA

0
435
Parque Central Maia

 
A Câmara Municipal da Maia tem em funcionamento a partir de amanhã (25 de março) o programa social de apoio FIQUE EM CASA.

Compra e entrega ao domicílio de comida, bens de primeira necessidade e medicamentos estão agora ao alcance de um telefonema.

O programa social de apoio FIQUE EM CASA destina-se a Pessoas com mais de 65 anos, famílias monoparentais com filhos menores. Também a agregados familiares com pessoas com deficiência e a pessoas com doenças oncológicas/crónicas, que não tenham retaguarda familiar.

O município sublinha que este serviço deverá ser apenas utilizado por quem verdadeiramente necessita e apela ao civismo dos maiatos, para que contribuam para concentrar os recursos humanos no apoio daqueles que não têm retaguarda familiar.

Através deste programa, em que o município conta com a colaboração de estabelecimentos privados (alimentares e farmácias), das juntas de freguesia do concelho e do ACES Maia/Valongo (USF’s da Maia), é garantida a compra de bens alimentares e de primeira necessidade e a compra de medicamentos e entrega ao domicílio, que terão de ser pagos por quem recorrer ao serviço, que disponibiliza ainda acompanhamento psicológico e ainda o passeio de animais de companhia.

A linha de apoio para aceder ao programa social FIQUE EM CASA tem o número 229 408 642 e funciona de 2ª a 6ª feira entre as 09h00 e as 12h30 e entre as 14h00 e as 16h00.

A criação do programa social de apoio FIQUE EM CASA é uma das 32 medidas de contenção, apoio socioeconómico e de apoio social que a Câmara Municipal da Maia tem em vigor.