Centro Missionário de Águas Santas recebe refugiados

0
112
Centro Missionário Aguas Santas_imagem DR

O antigo Seminário de Águas Santas, na Maia, prepara-se para receber 9 refugiados. O espaço costuma receber estudantes deslocados e aguarda agora um grupo de refugiados que se encontram em Itália.
Os refugiados deveriam ter chegado no final de fevereiro à Maia, mas devido à pandemia a viagem foi adiada.

José Miranda, membro da Fundação José Allamano dos Missionários de Consolata, disse à Agência Ecclesia que o antigo Seminário de Águas Santas, tem “tudo pronto, temos os kits, os quartos, as camas, e temos muita vontade de os receber porque sabemos que vêm para melhor”.

O Centro Missionário José Allamano, antigo Seminário de Águas Santas, Diocese do Porto, recebeu em 2019 um grupo de refugiados, “inicialmente por alguns dias, que depois foram algumas semanas” e a experiência colocou à congregação o desafio.

“Depois da experiência, a pedido do SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) para receber refugiados uns dias, decidimos focar as nossas energias para este projeto de acolhimentos e integração de refugiados”, referiu.

No âmbito do projeto do Alto Comissariado para as Migrações, em sintonia com o SEF, o grupo terá 18 meses para “aprender a Língua Portuguesa, tendo acesso à saúde, educação e validação de competências”.