Covid19: Maia desce para risco moderado de contágio

0
323
- Publicidade -

Portugal registou mais 549 casos de infeção e 61 óbitos associados ao novo coronavírus nas últimas 24 horas. Este é o número mais baixo de vítimas mortais desde 28 de dezembro.

Segundo o boletim epidemiológico da DGS, o país contabiliza agora 798.074 casos confirmados e 16.023 vítimas mortais desde o início da pandemia de COVID-19.

Por outro lado, mais 2.187 pessoas recuperaram da doença, o que faz o número total crescer para 701.409.

Hoje o número de internados ascende em todo o país a 3.322 (+6 do que ontem), sendo que desses 627 estão em UCI (-11 do que ontem).

Dados das regiões mais afetadas

Região Norte
Número de infetados: 324.719 (+ 107 do que ontem) / óbitos: 5.159 (+8)

Região Centro
Número de infetados: 114.099 (+48 do que ontem) / óbitos: 2.859 (+15)

Lisboa e Vale do Tejo
Número de infetados: 301.520 (+278 do que ontem) / óbitos: 6.663 (+33)

A DGS voltou esta 2ª feira a divulgar os casos registados em cada concelho, correspondente à incidência cumulativa a 14 dias (entre 3/02 e 16/02/2021).

Assim, nesse período de 14 dias, houve na Maia um registo de 188 casos de infetados por 100 mil habitantes, colocando o concelho no patamar de risco Moderado (concelhos com menos de 240 casos por 100 mil habitantes).

Os casos por concelho, de acordo com a DGS são o seguintes (entre 27/01 e 09/02/2021):

Maia – 188 (concelhos com menos de 240 casos por 100 mil habitantes – risco Moderado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Valongo – 196 (concelhos com menos de 240 casos por 100 mil habitantes – risco Moderado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Porto – 261 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Matosinhos – 261 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

VN Gaia – 313 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Gondomar – 245 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Santo Tirso – 328 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Trofa – 268 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Póvoa de Varzim – 347 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

Vila do Conde – 339 (concelhos com mais de 240 e até 479,9 casos por 100 mil habitantes – risco elevado) – desceu a incidência e o patamar de risco

- Publicidade -