Dia da Floresta Autóctone assinalado no Parque de Avioso

0
128

“Consciente da importância da preservação e promoção de espaços com elevada biodiversidade”, a Câmara da Maia pretende assinalar o Dia Internacional da Floresta Autóctone contando com o apoio da população e, em particular, dos Agrupamentos de Escuteiros com sede no concelho, para participarem activamente numa iniciativa agendada para amanhã, entre as 9h00 e as 12h30, no Parque de Avioso.

A autarquia explica, em comunicado, que é primordial a preservação da diversidade de espécies vegetais existentes, com especial destaque para as espécies autóctones, nomeadamente Carvalhos (Quercus robur) e Sobreiros (Quercus suber). O parque estende-se por uma área com 30 hectares de Floresta Autóctone, nos quais se articulam diversos espaços e edifícios, dispondo no seu interior, da nascente da Ribeira de Almorode, que em conjunto com outras linhas de água, formam a Ribeira do Arquinho, principal afluente do Rio Leça.

A Floresta Autóctone, além da importância que tem na conservação da biodiversidade, conservação dos solos, água e regularização dos recursos hídricos, tem contribuído como matéria-prima para várias utilizações, como artesanato, construção, produção de cortiça, carpintaria, marcenaria e a produção de frutos silvestres.

Para assinalar a data, a câmara quer promover o espaço e contribuir para disseminar cerca de 1000 novas plantas no local. Para isso, a iniciativa desenvolve-se em três fases. Na primeira, os participantes são convidados a proceder à recolha de bolotas de Carvalhos e/ou Sobreiros; depois será efectuada a sementeira das bolotas, em local previamente definido.