Empresas foram solidárias e doaram equipamento ao município da Maia

0
667

Empresas da Maia doaram diretamente ao Município material de proteção, de desinfeção e de apoio ao combate à pandemia no valor de mais de 94 mil euros.

Fatos de proteção, máscaras e equipamento médico foram doados à Câmara Municipal por diversas empresas da Maia, tendo a Câmara canalizado as doações para o combate direto à pandemia, nomeadamente para proteção dos profissionais de saúde, proteção civil, polícia municipal e forças de socorro e segurança, bem como para as instalações dos centros de Acolhimento Covid e do Centro de Rastreio Móvel.

O presidente da autarquia, António Silva Tiago, sublinha que “estas doações demonstram o elevado sentido cívico dos empresários maiatos e são o exemplo da responsabilidade social das empresas da Maia”. O presidente da Câmara mostra-se “orgulhoso pelo sentido de solidariedade dos empresários para com a comunidade”.

O Município da Maia recebeu máscaras de diversos tipos, fatos de proteção total, batas descartáveis, gel de proteção, difusores, sabonete líquido, termómetros infravermelhos e donativos monetários, no valor total de 94,243.11 euros, por parte da Porto Editora, laboratórios Bial, Estamparia têxtil Adalberto Pinto da Silva, José Dias Ferreira Sucrs, Castelbel, TEPREL – equipamentos médicos e Piubele – confeções, indústria e comércio, e TEV2 – Distribuição de Material Elétrico.

Além dos donativos diretos à autarquia, o tecido empresarial maiato tem apoiado as instituições, que desde o primeiro momento têm estado na linha da frente do combate à pandemia, nomeadamente os corpos de Bombeiros, as forças de segurança e a Cruz Vermelha Portuguesa.