Está concluída ampliação do Centro de Dia de S. Pedro Fins

0
311
- Publicidade -

O Centro de Convívio de S. Pedro Fins, inaugurado em 2009, foi ampliado recentemente. A obra está praticamente pronta e a inauguração está para muito breve.

O apoio a idosos passa a ter mais qualidade a partir deste verão, altura em que deverá acontecer a inauguração oficial da ampliação deste espaço que recebe 38 pessoas, até aos 94 anos, em S. Pedro Fins.

O Centro é propriedade da Junta de Freguesia e o presidente Alvarinho Sampaio sempre disse que só inaugurava a ampliação quando a obra estivesse “toda pronta e toda paga”. Assim, à reportagem do Primeira Mão, preferiu não adiantar uma data em concreto para a cerimónia inaugural, assegurando apenas que será este verão e que, nessa altura, estará tudo pago, “e se alguma coisa faltar será meramente residual”.

A ampliação do Centro de Convívio ascendeu a cerca de 190 mil euros, incluindo a construção de uma nova área, que não constava do projeto inicial, uma sala multiusos na cave, onde apenas falta o acabamento (carpintaria e eletricidade) e equipamentos.

A obra é comparticipada pela Câmara da Maia em cerca de 84 mil euros, sendo o resto da verba de investimento assumida pela Junta de Freguesia, que não conseguiu fundos europeus para juntar ao empreendimento. Este começou a ser construído em novembro de 2015 e já se encontra concluído.

Alvarinho Sampaio e a diretora do Centro, Raquel Freitas, explicam que, ao contrário da expetativa inicial da população, o Centro de Convívio não irá aumentar muito mais o atendimento, mas é certo que dará mais qualidade ao serviço prestado, às atividades que desenvolve junto da população idosa e ao apoio domiciliário que presta.

Se no ano passado eram 30 utentes, este ano são 38 em Centro de Dia, tendo a lista de espera muitos mais. O apoio domiciliário chega a cerca de duas dezenas, estendendo assim o auxílio à população idosa.

Novos e maiores espaços

O novo piso principal tem cerca de 300 metros quadrados e alberga uma nova cozinha, uma área de convívio, caraterizado por muita luz solar, e ainda um novo gabinete de enfermagem, com serviço aos utentes e também a nível externo, atendendo toda a população que dele necessite.

A nova sala polivalente, criada no subsolo tem cerca de 100 metros quadrados, que possibilitará o funcionamento de diversas atividades, quer da Junta e do Centro de Dia, quer de outras entidades ou coletividades externas. Neste espaço, “poderá funcionar desde dança a kickboxing, escola de música ou o nosso grupo JuntAmigo”, referiu o autarca. O novo espaço é totalmente independente do Centro de Convívio, podendo assim receber outro tipo de atividades ou eventos.

Por outro lado, como todos os meses o Centro recebe ações de formação “quer à equipa técnica, quer a familiares, essa nova área também poderá funcionar como espaço formativo ou de reuniões da equipa técnica”, acrescentou Raquel Freitas.

O gabinete de enfermagem funciona com uma parceria com a Unilab, está certificado pelos serviços de Saúde. Também com uma enfermeira permanente é prestado serviço exterior no apoio domiciliário. O gabinete faz análises com a respetiva recolha de amostras e curativos diversos.

O Centro de Convívio tem vindo a ser frequentado por utentes de Águas Santas, Nogueira, Silva Escura, Folgosa, Maia, Santo Tirso, Alfena, Trofa, S. Mamede e S. Romão do Coronado, Ermesinde, além de S. Pedro Fins.

Os utilizadores deste centro chegam pelas 8h30/9h00, passam o dia, com direito a almoço e lanches, regressando a casa pelas 17h30/18h00, transportados pelo autocarro da Junta, com exceção de alguns, que são conduzidos pelos familiares. Os idosos também têm uma agenda regular de atividades lúdicas, tendo em conta que quem procura o Centro de Dia não são apenas pessoas com problemas de saúde, mas, acima de tudo, quem se sente sozinho em casa.

O objetivo não é ter lucro, a Junta de Freguesia apenas “pretende que o Centro de Dia consiga ser auto-suficiente, porque “primeiro as pessoas, como já dizia o presidente Bragança Fernandes no seu slogan. Penso que temos honrado esse lema”, afirmou Alvarinho Sampaio.

Angélica Santos

- Publicidade -