GNR desmantelou rede de tráfico baseada nos concelhos da Maia e da Trofa

0
259
imagem GNR

O Comando Territorial da GNR do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Matosinhos, deteve três homens, com idades compreendidas entre os 21 e os 22 anos e identificou um quarto homem, de 21 anos, por tráfico de estupefacientes, no concelho da Maia. A ocorrência decorreu no dia 21.

A GNR informa que, após uma investigação por tráfico de estupefacientes que decorria há 14 meses, os militares conseguiram identificar os suspeitos que operavam uma rede de tráfico de estupefacientes nos concelhos da Maia e da Trofa, desde 2018.

De acordo com o comunicado da GNR, «um dos suspeitos recebia o produto estupefaciente e armazenava-o numa habitação, dividindo posteriormente a quantidade com um outro suspeito para procederem à venda direta aos consumidores, com recurso a financiamento por parte de um terceiro elemento entretanto constituído arguido. Em conluio, determinavam o preço a praticar e os locais de venda naqueles concelhos, recorrendo, ainda, a um outro suspeito, também detido, que comprava pequenas quantidades para posterior venda e obtenção de lucro por forma a alimentar o consumo próprio».

Foram realizadas quatro buscas domiciliárias e três buscas em veículos que culminaram na apreensão do seguinte material: 3200 doses de haxixe; 1400 doses de canábis; 194 doses de heroína; Uma planta de canábis; Uma caçadeira; 16 cartuchos e munições; Dois veículos automóveis; 740 euros, em numerário; 280 euros em nota falsa; Oito telemóveis; Três facas de corte; Cinco balanças de precisão; Diversos sacos de acondicionamento do produto estupefaciente.

O detidos vão ser presentes hoje, dia 23 de outubro ao Tribunal Judicial da Maia.