Livro de Vasco Lourenço apresentado na Maia

0
112

O livro “Vasco Lourenço – do interior da revolução”, escrito em co-autoria pelo coronel Vasco Lourenço e pela jornalista e investigadora Maria Manuela Cruzeiro, foi apresentado no passado dia 18 de Junho, na Biblioteca Municipal Doutor José Vieira de Carvalho, no Fórum da Maia.

Este livro baseia-se numa entrevista do coronel a Maria Manuela Cruzeiro e conta as história vividas por Vasco Lourenço, um dos capitães e uma das maiores figuras da revolução de 25 de Abril de 1974, no período da guerra colonial, da preparação da Revolução dos Cravos, e no período quente que agitou Portugal entre a Revolução e a aprovação de uma nova Constituição, em 1976.

Veja o vídeo:

 

O protagonista e co-autor do livro, Vasco Lourenço, afirmou que esta obra é a sua versão dos acontecimentos do período em análise. “Com este livro não pretendi fazer um relato do 25 de Abril, é apenas a minha versão dos acontecimentos dessa altura, não só da revolução como também dos antecedentes, como a guerra colonial. Por isso falta aqui muito, mas esta é a minha verdade. O que posso garantir é que não inventei nada, contei aquilo que se passou e como o senti na altura”.

O capitão de Abril confidenciou que até já teve críticas: “Um camarada meu aqui do norte disse-me que a mulher dele acha que falei pouco do que se passou nesta região durante aquele período. Mas eu não estive no norte, por isso também não podia falar muito”, e foi mais longe na defesa do seu livro: “Estou preparado para enfrentar todas as polémicas que esta obra possa vir a criar”.

No lançamento do livro, para além dos autores e do vereador da Câmara da Maia, estiveram alguns militares de Abril e camaradas de Vasco Lourenço ao longo dos anos, bem como o presidente da Câmara da Maia, Bragança Fernandes, o director da editora Âncora e o representante da delegação norte da Associação 25 de Abril, entidade de que o coronel Vasco Lourenço é presidente.