LNEC confirma resíduos perigosos em São Pedro da Cova

0
277

A análise efectuada pelo Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) confirmou que as 88 mil toneladas de resíduos depositados nas antigas minas de S. Pedro da Cova, em Gondomar, são de elevada perigosidade.
Em conferência de Imprensa, esta quinta-feira, Paulo Gomes, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, disse mesmo que pode estar em causa um “problema de saúde pública”, uma vez que as concentrações de chumbo estão muito acima dos valores permitidos por lei.

A eventual tomada de medidas, como o desaconselhamento de utilização da água dos poços, será concertada com as autoridades sanitárias. As análises até agora realizadas não indicaram contaminação das águas.
No entanto, Paulo Gomes referiu que a CCDR-N irá fazer tudo para que a remoção dos resíduos perigosos ocorra antes do início do próximo Inverno.
Há cerca de 10 anos que a população de S. Pedro da Cova vem denunciando o problema dos resíduos provenientes da antiga Siderurgia Nacional, na Maia, mas só agora o relatório do LNEC vem confirmar os receios dos moradores.

Ver no Mapa