Maia com dois postos de carregamento elétrico para automóveis

0
616
- Publicidade -

Vai ser mais fácil ter um carro elétrico para quem vive ou trabalha na Maia. A cidade faz parte do grupo pioneiro de 25 municípios que passam a ter postos de carregamento elétrico, cabendo à Maia dois desses postos.

O Município da Maia, que integra a Rede de Mobilidade Elétrica, desde o passado dia 26 de fevereiro, tem previstos, no seu território, e de acordo com informação prestada no âmbito do Grupo de Trabalho da Mobilidade Sustentável e Acessibilidade para Todos, a instalação de dois postos de carregamento de veículos elétricos no centro da cidade, concretamente na Avenida Visconde de Barreiros.

O protocolo foi assinado nas instalações do CEIIA – Centro para a Excelência e Inovação da Indústria Automóvel, uma das entidades que integram a Rede, situada em Matosinhos. Foi no dia 26 de fevereiro que a autarquia assinou o protocolo da rede PILOTO para a Mobilidade Elétrica, estabelecido entre a INTELI, representante do consórcio IDT MOBI.E e a Agência Portuguesa do Ambiente, entidade gestora do Fundo Português de Carbono.

Rede mobi.e

A Rede mobi.e traduz-se numa rede integrada entre vários postos existentes em território nacional, dinamizada pela plataforma tecnológica mobi.e desde o ano de 2009, e que permite o abastecimento dos veículos elétricos, mediante a utilização de um cartão de carregamento.

A principal missão desta Rede é contribuir para uma mobilidade mais sustentável, maximizando as vantagens e integrando harmoniosamente a energia elétrica, resultante de energias renováveis, no funcionamento e desenvolvimento das cidades. Com este novo paradigma de mobilidade criado, pretende-se diminuir as emissões de CO2, melhorar a qualidade do ar e reduzir a dependência energética do país.

Plano de Mobilidade Elétrica

A Rede Piloto para a Mobilidade Elétrica surge assim no âmbito do Programa Nacional de Mobilidade Elétrica, lançado pelo governo português, integrando 25 municípios que atuaram como locais de teste dos postos de carregamento e de sistemas de mobilidade inteligente.

Assim, a assinatura do protocolo no CEIIA – Matosinhos, veio dar cumprimento à intenção atual do Estado de recuperar e renovar esta Rede de Mobilidade Elétrica. O acordo institui a instalação de mais 124 pontos de carregamento normal e de 50 pontos de carregamento rápido.

- Publicidade -