Mais meios, mais acessibilidade

0
185

O Plano Municipal de Acessibilidade para Todos da Maia foi alvo de uma candidatura ao QREN – Quadro de Referência Estratégica Nacional (2007-2013), no âmbito do Programa Operacional Potencial Humano, tendo sido aprovado o financiamento. Tem como objectivo a promoção da acessibilidade nos edifícios públicos, transportes públicos, comunicação e infoacessibilidade, de forma a criar condições de maior igualdade social.

A elaboração do plano implicou a elaboração de um estudo/diagnóstico que incidiu sobre 10 núcleos urbanos do concelho considerados prioritários.

Foram ainda analisados 197 edifícios e equipamentos públicos, e efectuado um levantamento e diagnóstico dos recursos de transporte público terrestre, incluindo transporte rodoviário colectivo urbano e metro. Para além do estudo dos sistemas de comunicação e informação dos edifícios, transportes e da via pública, foram ainda analisados os níveis de acessibilidade às páginas web da autarquia e os locais com postos de acesso à internet.

O plano abrange cerca de 140 mil habitantes, sendo que deste total, 60 por cento é considerada população com mobilidade reduzida ou condicionada. Ou seja, directamente o plano irá abranger 84 mil pessoas com mobilidade reduzida, residentes no concelho da Maia.

De forma a garantir que os objectivos de execução sejam atingidos, o plano prevê ainda a constituição de um grupo de trabalho interdisciplinar.

Fernanda Alves