Paulo Ramalho é o novo presidente do Rotary Club da Maia

0
639
Paulo Ramalho é o novo presidente do Rotary Club da Maia
- Publicidade -

Paulo Ramalho recebeu o testemunho de Manuel António e vai liderar o Rotary Club da Maia no próximo mandato de um ano. Desde abril de 2008 que Paulo Ramalho faz parte da família rotária maiata, tendo ingressado pela mão de Bernardino Costa Pereira. A primeira vez que contactou com o clube foi em 2005, ano do centenário do Rotary Internacional e em que foi distinguido pelo clube da Maia como Profissional do Ano, enquanto advogado.

Paul Harris, um dos fundadores do Rotary Internacional, dizia que “esforços individuais podem atender necessidades individuais, mas esforços conjuntos visam servir a humanidade”. E é por isso que o novo presidente refere que os objetivos para o ano rotário que agora se inicia são “objetivos do Clube” e não propriamente seus.

Ainda assim, aponta Paulo Ramalho, “gostávamos de aumentar o número de membros do Clube, mobilizando mais jovens para esta causa, de continuar e reforçar a nossa parceria estratégica com a Casa da Amizade, de continuar a cooperação com o GEPE – Grupos de Entreajuda na Procura de Emprego, de continuar e reforçar o programa de atribuição de prémios escolares, de continuar e reforçar a cooperação com os diversos atores da nossa comunidade que prestam serviços no domínio do apoio social, e gostávamos também de alargar a nossa acção a projetos de cooperação internacional”.

Parceria com a comunidade

O advogado e vereador na Câmara da Maia acrescenta que é ambição do clube rotário promover o estabelecimento de parcerias com a sociedade civil e com a comunidade empresarial local, no sentido de as mobilizar para a concretização de muitos destes objetivos. É também nosso propósito promover uma maior reflexão e partilha de ideias no interior do Clube e contribuir para uma maior afirmação do movimento rotário junto da comunidade da Maia.

Paulo Ramalho sublinha a importância do ICM – Instituto Cultural da Maia, “um dos projetos mais importantes a que o Rotary Club da Maia está ligado”, a quem se que pretende, salvaguardando a devida autonomia institucional, “contribuir para um maior desenvolvimento e afirmação da sua ação”.

Todos os anos o presidente de Rotary Internacional define um lema. O presidente para o ano Rotário 2016-2017, John Germ, escolheu o lema “Rotary a serviço da humanidade”. E, sublinha Paulo Ramalho, “é uma ideia que deve estar presente na ação de todos os clubes rotários de todo o mundo durante os próximos doze meses, e naturalmente, também do Rotary Club da Maia”.

- Publicidade -