Posto da GNR no Castelo custou 645 mil euros

0
293

A Maia é um dos concelhos abrangidos pelos investimentos em infra-estruturas da PSP e da GNR anunciados a 3 de Abril, no Porto, pelo titular do Ministério da Administração Interna (MAI).

Rui Pereira esteve na Biblioteca Almeida Garrett, no Palácio de Cristal, na companhia do secretário de Estado da Administração Interna, Rui Sá Gomes, onde anunciou uma duplicação do investimento nas forças de segurança, até 2012.

Infra-estruturas físicas, armas, coletes anti-bala, viaturas, meios de comunicação e informáticos são as áreas a beneficiar com os investimentos anunciados e que visam dar maior operacionalidade à PSP e à GNR. Só nas infra-estruturas físicas o MAI vai investir no distrito mais de 30 milhões de euros, sendo 15 milhões para recuperação / remodelação de esquadras e quartéis já existentes e 15,8 milhões para a construção de novas instalações. 

Estes investimentos abrangem um total de 21 esquadras do distrito, incluindo na Maia. Aqui, a única intervenção confirmada a PRIMEIA MÃO pela Divisão de Informação e Relações Públicas do MAI é o já construído quartel no Castelo da Maia, à face da Estrada Nacional (EN) nº 14, “para instalação do Posto Territorial da GNR”. Custou, segundo a tutela, 645 mil euros.

Juntam-se ainda as intervenções já realizadas, ou programadas, nos municípios de Vila Nova de Gaia, Porto, Gondomar, Paredes, Matosinhos, Vila do Conde, Santo Tirso, Paços de Ferreira, Amarante e Marco de Canaveses.

Marta Costa