Rede de burla informática e branqueamento de capitais com ligações à Maia

0
228
Algemas
imagem de arquivo
- Publicidade -

 
A PSP deteve 3 homens e duas mulheres pelos crimes de burla informática e branqueamento de capitais. As autoridades realizaram buscas na Maia, Penafiel, Porto e VN Gaia.
O Dispositivo da Polícia de Segurança Pública do Comando Metropolitano do Porto, através da Divisão de Investigação Criminal, concluiu uma ação policial, no âmbito do combate aos crimes de burla informática qualificada e branqueamento de capitais através da aplicação MBWAY.
 
A operação desenvolvida pela Divisão de Investigação Criminal sob a direção do DIAP de Vila Nova de Gaia, teve como objetivo a identificação e interceção de autores destes ilícitos.
 
No decurso de diligências policiais desenvolvidas, pelas 07H00, do dia de hoje, que incluíram a realização de seis buscas domiciliárias (acompanhadas por magistrada do Ministério Público) nas áreas de Vila Nova de Gaia, Porto, Maia e Penafiel, resultaram: detenção de 3 homens e duas mulheres e diversos bens.
Assim, os 3 homens e mulheres detidos têm idades entre os 23 e os 46 anos.
As apreensões incluem a quantia de 9 mil euros e ainda: 09 telemóveis; 1 computador e 1 tablet pc; Estupefacientes; diversas peças de vestuário. 
 
Os suspeitos em questão encontram-se indiciados pela prática de mais de oito dezenas e meia de ações criminosas, sendo que de modo abusivo e fraudulento, desde meados do ano de 2019, acediam às contas dos lesados, através da aplicação MBWAY, retirando diversas quantias monetárias.
De referir que em resultado das práticas ilícitas resultaram prejuízos na ordem dos 500 mil euros.
 
Os detidos vão ser presentes junto das Autoridades Judiciárias para aplicação das competentes medidas de coação.
 
 

- Publicidade -