Russos detidos em Moreira

0
156

Material apreendido pela GNR da Maia

Dois indivíduos de nacionalidade russa, em situação ilegal em Portugal, foram esta semana constituídos arguidos na sequência de uma operação do Posto Territorial da Maia da GNR. São mãe e filho, que residiam na freguesia de Moreira da Maia.

Na sequência de um mandado emitido pelo Tribunal da Maia, cinco guardas efectuaram no sábado de manhã, por volta das 8h30, uma busca domiciliária à habitação partilhada pelos dois cidadãos russos que, segundo fonte da GNR, não ofereceram qualquer resistência. A operação permitiu apreender três armas – de calibres 6,35mm, 8mm e 6mm – carregadores com munições, um coldre e ainda várias munições de diversos calibres (6,35mm e 9mm).

PRIMEIRA MÃO sabe que a GNR da Maia apreendeu ainda documentos relacionados com armas, em nome de um guarda prisional, suspeitando os agentes que seriam usados pelos dois cidadãos russos para actividades delituosas ou para intimidar pessoas.

O processo seguiu para inquérito, por haver suspeita de outros intervenientes além dos dois elementos constituídos arguidos.

MC