Segurança Social encerra lar em Vila Nova da Telha

0
203

A Segurança Social encerrou, esta segunda-feira, na rua 1 da Urbanização do Lidador, em Vila Nova da Telha, concelho da Maia, um lar de idosos por falta de licenciamento. Os cerca de 26 utentes da instalação de apoio social seguiram agora ou para casa de familiares. Os que não têm família foram acompanhados por técnicas e colocados em lares da Segurança Social.

A meio da manhã, as técnicas da segurança social, acompanhadas pela delegada de saúde da Maia, elementos da Guarda Nacional Republicana da Maia (GNR) e Bombeiros Voluntários de Moreira da Maia tocaram à campainha do número 832. Perguntaram pela proprietária, que não estava e que foi entretanto contactada.

Tudo terá começado com uma denúncia feita pelos moradores da referida rua, há cerca de sete a oito meses. Aurélio Martins foi um dos subscritores. Apresentaram queixa “devido ao ambiente que aqui se vivia. Eram gritos durante a noite dos indivíduos que cá estavam, ambulâncias sempre a entupir o trânsito.” por outro lado, os moradores sentiram-se futuramente, caso quisessem vender as moradias.

Já passava das 12h00 quando começaram a sair os primeiros idosos, entre eles, Alzira Queirós, de 90 anos, que condena quem fez a denúncia. Partilhava o quarto com uma outra senhora e garante que sempre foi bem tratada pelas funcionárias e que nunca lhe faltou nada.

O mesmo lar tem ainda uma extensão na rua das Andorinhas, na Senhora da Hora, concelho de Matosinhos, onde estavam seis idosos.

Isabel Fernandes Moreira