Troço ferroviário da Linha do Minho (inclui a Maia) vai ser requalificado

0
644
ferrovia

A Infraestruturas de Portugal (IP) vai investir 950 mil euros na reabilitação de um troço da Linha do Minho que abrange os concelhos de Gondomar, Maia e Valongo, no distrito do Porto, revelou hoje a empresa pública.

Em causa um concurso publicado terça-feira, em Diário da República, que visa a reabilitação na via descendente do troço da Linha do Minho, com uma extensão de 2,7 quilómetros, localizados nos concelhos de Gondomar, Maia e Valongo, no distrito do Porto.

Em resposta escrita hoje enviada à agência Lusa, a IP avança que o preço base é de 950 mil euros e prazo de execução da obra de 150 dias.

Esta empreitada inclui a substituição integral do atual armamento de via, nomeadamente travessas, carril e balastro.

“Esta intervenção tem como objetivo a melhoria das condições de circulação e níveis de serviço neste troço com intenso tráfego ferroviário [240 circulações dia], comportando circulações pesadas de mercadorias e de passageiros”, indicou, à Lusa, a IP.