Vacinação na Maia acelera o ritmo para mais de 3 mil doses por dia

0
197
foto Patrícia Stanton
- Publicidade -

Espaço muito amplo, com muita luz e uma imagem clara, limpa e organizada. É assim o Centro de Vacinação Covid Maia II, em Gueifães, a funcionar desde segunda-feira e que ontem recebeu a visita do secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Lacerda Sales.

António Lacerda Sales visitou o Centro de vacinação Covid Maia II, na Rua Ponte do Vasco, esta quarta-feira à tarde. Foi acompanhado pelo presidente da Câmara da Maia, pela vereadora da Saúde e pelo direto do ACES Maia/Valongo, para além do delegado da Cruz Vermelha da Maia.

Este novo espaço tem 12 boxes de inoculação, que permitem total privacidade a quem vai tomar a vacina, uma média de 2.400 pessoas por dia. O Centro funciona com dois turnos, uma equipa de manhã e outra de tarde.

No final da visita, o secretário de estado não prestou declarações à comunicação social, mas o O presidente da Câmara Municipal da Maia, Silva Tiago, garantiu que a autarquia está “apostadíssima neste processo de inoculação” sublinhando que a vacinação é a forma “mais eficaz para sairmos desta situação que nos agonia e preocupa a todos”.

Vão ser contratados mais cerca de 4800 enfermeiros e 2300 médicos para apoiar a vacinação no país

Silva Tiago deu conta à comunicação social de que uma das questões conversadas com o elemento do Governo foi o reforço de recursos humanos. E neste âmbito há uma boa notícia: o Governo criou condições para admitir mais cerca de 4800 enfermeiros e 2300 médicos, para além de pessoal auxiliar.

Assim, frisou Silva Tiago, “com estas medidas e os apoios das Câmaras Municipais, neste caso a nossa, temos condições para poder enfrentar este desafio da vacinação e resolvê-lo até ao verão”.

O único entrave que poderá colocar algum grão na engrenagem do processo de vacinação terá que ver com a entrega de vacinas, referiu Silva Tiago, o que, por enquanto na Maia não está a acontecer e com dois centros de vacinação abertos em simultâneo o concelho tem um ritmo de inoculação de cerca de 3 mil pessoas por dia.

Da parte da autarquia da Maia tudo tem sido feito para facilitar este processo às Autoridades de Saúde, garantem Silva Tiago e Emília Santos.

O autarca explicou que existe uma vasta equipa de recursos humanos da Câmara que foram alocados a este trabalho de apoio nos Centros de Vacinação, incluindo pessoal ligado à área de atividades desportivas, que durante a pandemia, tiveram menos ações e, portanto, menos trabalho para realizar.

Assim, de acordo com Emília Santos, o sucesso do processo de vacinação na Maia talvez se deva ao empenho de todas as valências da Câmara Municipal envolvidas no trabalho lado a lado com as Autoridades de Saúde.

E a vereadora adianta que, na Maia já foram vacinadas cerca de 18 mil pessoas (em 4 de abril a população vacinada atingia 14%, acima da média nacional de 12%). Atualmente os Centros já estão a chamar pessoas com 73 anos.

- Publicidade -